Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Extremismo

O Caminho da Autocracia | com Conrado Hübner Mendes, Marina Slhessarenko e Mariana Amaral | 179

Imagem
As democracias mundo afora têm experimentado, desde o final do século passado, um processo de retrocesso, ou de recessão democrática, nos termos de Larry Diamond.   Assim, menos países são democráticos hoje do que há vinte anos e muitas democracias são menos democráticas do que eram antes.   De que forma esses processos se dão nas diversas experiências nacionais? De que maneira o governo de Jair Bolsonaro se inscreve nessa linhagem? Para discutir tais temas , este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebe pesquisadores do LAUT (Centro de Análise da Liberdade e do Autoritarismo), autores de um novo livro sobre o assunto. A obra e "O Caminho da Autocracia: estratégias atuais de erosão democrática" , publicada pela Tinta-da-China Brasil. Contamos com a participação de três dos cinco autores do livro: Conrado Hübner Mendes, professora da Faculdade Direito da USP, coordenador do LAUT e colunista da Folha ; Marina Shlessarenko Barreto, doutoranda em ciência política na USP; e

Investigações sobre o 8 de Janeiro | com Amarilis Costa | 175

Imagem
Abril termina com diversas investigações acerca da Intentona Bolsonaresca do 8 de Janeiro avançando ou sendo abertas.   No Congresso, por iniciativa da oposição bolsonarista, instala-se uma CPMI para investigar os eventos, na tentativa de inverter a culpa, passando-a do bolsonarismo para o governo Lula.   No âmbito judicial são tornados réus centenas de bolsonaristas golpistas presentes nos acampamentos antidemocráticos e presos após vandalizarem as sedes dos três poderes da República. Que importância têm as investigações neste momento? O que se pode esperar delas? Como se pode analisar as iniciativas nos âmbitos judicial, policial e congressual? Para discutir tais temas este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebe Amarilis Costa, advogada, diretora da Rede Liberdade, mestre em Ciências Humanas e doutoranda em Direitos Humanos na USP. As músicas deste episódio são "So Lost" do MK2 e "Dark Alley Deals", de Aaron Kenny. Leia o blog do #ForadaPolíticaNão

O imbróglio do general | com Chico Teixeira | 174

Imagem
Pouco mais de três meses após a intentona bolsonaresca do 8 de janeiro, quando militares envolvidos nela foram ouvidos em inquérito comandado pelo STF, surgem vídeos comprometedores para o GSI.   Esses vídeos comprometem o então ministro do Gabinete de Segurança Institucional, general Gonçalves Dias, um dos raros militares próximos do presidente Lula.   Causou impacto sua presença no Palácio do Planalto durante a invasão de golpistas bolsonaristas, ladeado por servidores do GSI que mostravam simpatia pelos vândalos, inclusive lhes dando água. O que explica esse vídeo só ter vazado agora? Qual o papel dos militares no Gabinete de Segurança Institucional? Gonçalves Dias foi cúmplice ou vítima dos militares golpistas? Para discutir tais temas e o que lhes cerca , este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebe Francisco Carlos Teixeira da Silva, ou apenas Chico Teixeira, professor titular de história da Universidade Federal do Rio de Janeiro Chico Teixeira tem larga experiência c

As falas do presidente e outras falas | com Nara Pavão | 171

Imagem
Desde o início de seu terceiro mandato, o presidente Lula se tem mostrado especialmente loquaz, dando reiteradas declarações ruidosas, produtoras de desgastes e turbulências políticas.   Exemplo disso foi a menção a Michel Temer, chamado de "golpista". Houve também seguidas declarações de inconformismo com a política monetária do Banco Central. Por fim, a suspeição lançada sobre Sergio Moro, possível alvo de sequestro e assassinato pelo PCC.   O que leva um presidente a falar tanto de temas politicamente ruidosos? Qual o impacto disso e como influencia seguidores e opositores? Num cenário de polarização política exacerbada e com um governo que se propõe ser de reconstrução nacional, tais declarações não ajudam. Não tardaram as comparações de Lula ao extremista Jair Bolsonaro. Porém, além desse ponto, de que forma os discursos políticos afetam a disputa política e a radicalização das posições na sociedade? Para discutir tais temas este #ForadaPolíticaNãoháSalva

O espólio dos Bolsonaro | com Carolina Botelho | 168

Imagem
Diante da grande possibilidade de Jair Bolsonaro ser tornado inelegível pelo Tribunal Superior Eleitoral, uma disputa é travada por seu espólio político. Mas quem compete por ele?   Por um lado, há os membros da família Bolsonaro, integrantes de seu empreendimento político-familiar. Dentre os filhos, Eduardo desponta como o mais talhado a seguir os passos do pai. Contudo, a figura mais reluzente atualmente e a da ex-primeira dama, Michelle Bolsonaro. Ela ganhou destaque durante a campanha e tem tido protagonismo no PL, partido da Família no momento.   Porém, os eventos recentes, como o escândalo das joias das Arábias, atingiram também a Michelle - além, claro, de produzir mais um grande estrago para Jair, o patriarca. Por fim, lideranças emergentes nos estados, beneficiárias da onda bolsonarista, também disputam esse nicho. É o caso de Romeu Zema (MG), Tarcísio de Freitas (SP) e Cláudio Castro (RJ). Para discutir o tema , este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebe a cienti

A extrema direita pós-Bolsonaro | com o Observatório da Extrema Direita | 165

Imagem
Findo seu governo, Bolsonaro deixa como um de seus legados mais tenebrosos um país mais radicalizado, com uma extrema direita expandida em relação ao momento de sua eleição. Qual será o futuro dessa extrema direita com seu principal líder e símbolo fora do governo? Ainda mais, o que será dela caso Bolsonaro seja posto para fora do jogo, preso ou inelegível? Para discutir tal tema, este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebe três pesquisadores do  Observatório da Extrema Direita , o principal grupo de pesquisa a reunir estudiosos do assunto no Brasil. Representando o OED, participam do episódio Fabio Gentile, professor de ciência política na  UFC ; Alexandre de Almeida, antropólogo e pós-doutorando em história na  UFJF ; e Vinícius Bivar, doutorando em história na  Freie Universität Berlin . Os Twitters dos convidados são: Fabio Gentile: @fabiogentile70 Alexandre de Almeida: @alexan_almeida Vinícius Bivar: @ViniciusBivar As músicas deste episódio são "Whats It to Ya Punk" do Audi