Os braços e abraços da extrema-direita, com Aline Burni & Vinícius Bivar - #92

Jair Bolsonaro, seu filho Eduardo, a deputada Bia Kicis e o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, dentre outros bolsonaristas, receberam calorosamente uma deputada da extrema-direita alemã, Beatrix Von Storch.


Essa parlamentar é vice-líder do partido de ultradireita "Alternativa para a Alemanha" (AfD), que além de posicionamento xenófobo contra imigrantes, refugiados e, especialmente, muçulmanos, minimiza o Holocausto judeu e o acerto de contas com o passado nazista.


A recepção à deputada extremista acendeu o debate sobre os laços do bolsonarismo com o nazismo e com o fascismo, dentro e fora do país.


O que exatamente é a AfD? De que forma ela se relaciona com o bolsonarismo, no Brasil, e com a extrema-direita européia? Qual o peso do neonazismo na Alemanha atual?


Para discutir esses temas, este #ForadaPolíticaNãoháSalvação recebeu dois pesquisadores radicados na Alemanha que estudam o assunto: a cientista política Aline Burni, doutora pela UFMG e pesquisadora do Instituto Alemão de Desenvolvimento (DIE); e o historiador Vinícius Bivar, doutorando em História Contemporânea pela Universidade Livre de Berlim (FU-Berlim ) como bolsista do DAD. 




As músicas deste episódio são:


Big Rock - Take the Lead, de Kevin MacLeod (licenciada de acordo com a licença Atribuição 4.0 da Creative Commons. https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)


March On, de Ethan Meixsell.




Conheça o blog do #ForadaPolíticaNãoháSalvação na CartaCapital!








































Comentários

As mais lidas

Como destruir um pais | publicado originalmente no Valor Econômico em 07.01.2021

O governo dos invertidos | publicado originalmente no Valor Econômico em 17.12.2020

Um governo militar - publicado originalmente no Valor Econômico